CURSO DE PSICOLOGIA CONSCIENTIZA COM A CAMPANHA “SETEMBRO AMARELO”

O curso de Psicologia da Unidade Lagoa de Messejana e Antônio Bezerra, coordenado pelo Prof. José Wilson Oliveira, promove durante o mês de setembro uma série de ações para divulgar a conscientização sobre o suicídio, numa campanha integral denominada de “Setembro Amarelo”.31

A campanha começou em 2014 e acontece ao longo do mês de setembro com uma série de iniciativas visando promover a discussão sobre a temática do suicídio, tema que ainda perpassa o tabu na sociedade contemporânea.

As estatísticas têm mostrado índices alarmantes de suicídio no Brasil e no mundo. Diante desse cenário, os profissionais de saúde mental, dentre eles os psicólogos, devem agir no sentido de promover espaço para falar sobre o assunto e traçar estratégias educativas a fim de diminuir a incidência dos casos: falar sobre o assunto é o melhor caminho.

Na manhã do domingo 3 de setembro, uma parte do parque do Cocó estava de amarelo. Um grupo de alunos do Curso de Psicologia, orientados pela Professora Fernanda Marinho Serpa, abraçou a causa da campanha e convidou o público a conhecer e identificar comportamentos que possam levar a pessoa ao suicídio. É importante esclarecer que o Suicídio é o ato de autodestruição, onde a pessoa põe em prática o desejo de morrer ou dar fim à sua própria vida.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o suicídio é a segunda maior causa de morte entre pessoas com 15 a 29 anos de idade e vários fatores podem influenciar nesses casos.  Alguns sinais podem ser identificados nas relações familiares e sociais, a saber: desinteresse por atividades prazerosas, dificuldades de tomar decisões em situações que envolvem aspectos emocionais e sentimento de inutilidade e culpa.

O coordenador do curso de Psicologia, professor Wilson Oliveira, acrescenta ainda, que durante o mês de setembro estão sendo realizadas palestras, rodas de conversa e debates na Faculdade Ateneu. Dentre as ações, diferentes grupos de alunos distribuem panfletos informativos e conversam com o público em praças e espaços públicos, brindando assim orientações sobre a detecção da tendência suicida e as formas de preveni-la. Também há atividades de debates, palestras, cinema e contato com a cidadania previstas para o mês do “Setembro Amarelo”.

Confira imagens das primeiras atividades do curso de Psicologia para a campanha.